domingo, 26 de setembro de 2010

Procuro palavras

Eu procuro palavras pra colocar aqui. Já reapaguei e reescrevi umas três vezes, e à cada uma delas eu não consigo dizer tudo.
Não consigo dizer em palavras, mas eu ainda vou tentar, enquanto eu puder.
Pq pra mim não é o suficiente te abraçar, te beijar.
Quero deixar textos, provas, coisas para que você possa ler todas as vezes em que eu não estiver.
Para que você possa saber sempre que pra mim à cada dia fica mais difícil dormir abraçada com o Haroldo, quando eu queria mesmo é dormir abraçada contigo.
Para que você saiba que quando não estou com você, estou pensando em você.
Que quando fico parada quando te abraço, é que estou pensando na sorte que eu tenho, pq, de todas as pessoas no mundo, eu tenho exatamente a que quero.
Quero passar a minha vida inteira com você, e quando falo na vida inteira, falo sério. Até ficarmos velhinho (Como se a gente fosse viver tanto, francamente.)
Eu te amo tanto que nem sei mais a dimensão das coisas.
2 horas com você é pouco, mas 2 horas esperando você chegar vira uma eternidade.
Você conseguiu achar o romantismo num piázinho que nem eu.
Mérito totalmente seu, mas não se ache por isso.
É, é isso.
Existe muito mais à se falar, mas não é necessário dizer tudo em um dia, temos toda uma eternidade.


Diogo, eu te amo e quero viver a minha vida inteira ao seu lado.

Um comentário:

Dih disse...

vai quebrando as minhas pernas assim vai, =D

como eu vou poder te impressionar, se não tem como fazer um texto mais lindo que esse?

mas saiba que eu te amo, muito muito e pra sempre <3

minha vida *-*