domingo, 27 de setembro de 2009

Orgulho

Todo mundo sabe que eu adoro reclamar da humanidade, mas, puts, o que eu vi hoje foi lindo.
Primeiro, para esclarecer: Parada gay - EU FUI! :D
E, nossa, foi muito diferente de tudo que eu já vivi na vida!
Era uma energia incrível, centenas de pessoas lutando por uma causa, num movimento pacífico, e a causa se chamava "amor". Pq amor não depende de sexo, amor não depende de físico, amor rege tudo.
Ver toda aquela galera, geeente, como foi incrível. Encontrei altos conhecidos! Tirei altas fotos.
Era gay, lésbica, bi, simpatizante, curiosos, era tudo!
Vi de tudo, vivi de tudo. BEBI DE TUDO, HSAHUSAHUASHU!
Bebemos Genius+Suco de saquinho (Pêra com limão)+Leãozinho ; Duas garrafinhas de Bohemia ; A lata grande da Skol ; Caipirinha.
Engraçado mesmo foi o fenômeno que deu antes da Parada Gay começar: O Halo. Pra quem não sabe, o Halo é quando tem um arco-íris em volta do sol, um círculo. Pois é, aconteceu. Até Deus estava apoiando a causa da parada gay. HSAHUASHUSAUHSAHU! É, Deus é justo e sabe o que é bom. :o
Realmente me orgulhei. A união, a liberdade, o amor... Pouts, eu xingo tanto o mundo, mas tem horas que os seres-humanos se superam, e me fazem ter um pingo de esperança.
Eeeeeeeeeeee, por falar em esperança.
UM SAAAALVE PARA MEU FLUMINENSEEE!!
Amanhã vou com a minha camisa do Flu. Uma vitória, uma vitória. É decadente, mas é razão para se comemorar!
Ainda existe esperança? Com certeza.
Iludida? Certamente.
Mas, pelo Flu, eu mato e morro.
Um orgulho duplo hoje: Humanidade + Fluminense.

Obrigada, Grande mãe e Sábio pai, pelo dia de hoje.

sábado, 26 de setembro de 2009

M.

Francamente, eu deveria surgir mais vezes.
Só assim pra aprender de vez.
O post anterior durou pouco, infelizmente.

ê :D

Hoje o dia tá tão legal. ^-^
Tô inspirada até pra fic que eu não escrevia faziam eras (Mesmo o tio Ayumu me pedindo, hhuhu)
E amanhã vou na Parada Gay com os amigos, vai ser mto engraçado. xD
Bom, finalmente um post feliz, pq os últimos andavam bem deprês... o.O
De qualquer forma, povinho, obrigada pela paciência, eu amo vcs. ^-^

sexta-feira, 25 de setembro de 2009

Francamente, cansei de ser um "elo".

Eu não entendo mais nem à mim mesma, é incrível.
Estou vazia, estou entediada, e não é de hoje.
Nada mais me anima ou entristece.
Eu estou vivendo pelos outros. Isto está errado.
Todo mundo vem, me conta os problemas, as brigas, as tristezas... Não digo que o povo me usa, não mesmo, eles sabem que podem confiar em mim, e eu adoro essa confiança... Mas e eu?
Quem me pergunta o que eu estou sentindo?
Tudo bem, eu geralmente percebo que alguém tá mal e vou falar com a pessoa, mas, porra, eu não sou de demonstrar se eu estou mal. Eu não choro, eu não demonstro. No máximo eu fico um pouco mais quieta (e falo que é sono, ou dou uma desculpa qualquer) ou eu falo mais palavrão disfarçadamente.
E aqui eu começo a me desencontrar novamente comigo mesma. Se eu não demonstro, é pq não quero ngm me ajudando, certo? Corretíssimo. Odeio que fiquem sabendo das minhas tristezas e etc.
Mas custava alguém demonstrar um interesse? Pelo menos pra fingir que eu sou importante pra agm?
Então me deparo com um problema: Se eu estou quieta, é como se eu nem estivesse no local. Se eu estou falando merda, ninguém me leva a sério.
Como se eu fosse simplesmente uma pessoa só pra isso, sem nada por dentro.
Francamente. Que merda.
Eu acho que eu tô entendo o pq que eu sinto tanto na pele a parte de Lanterna dos Afogados que fala
"E são tantas marcas
Que já fazem parte
Do que eu sou agora
Mas ainda sei me virar..."
Eu ainda não aprendi tudo que eu preciso aprender, mas só pq eu sou burra.
TUDO que eu já passei até hoje nessa vida já deveria ter me mostrado. Eu não POSSO depender de ngm. Não fui feita para isso, não é pra isso que eu sirvo.
Eu já devia ter aprendido, já foram muitas marcas mesmo. ¬¬'
É, eu vou ter que aprender na marra.


- Este post não é dedicado à ninguém em especial. É só algo que venho sentido faz cerca de dois meses. -

Indústria "L" de Piadas e Produções.

segunda-feira, 21 de setembro de 2009

Crueldade

Todos já ouviram da notícia de um "extraterrestre no Panamá".
E a maioria já sabe que é considerada a hipótese de ser uma preguiça, cabra ou sei lá o quê com anomalia...
Não vou entrar aqui em teorias milaborantes e tal (Embora eu queira realmente acreditar que era um alien. *-*), mas fico triste com o que foi feito do animal.
Os adolescentes que acharam ele o mataram apedrejado, com medo de que o animal os atacasse.
Tudo bem, seria o instinto humano (agradeço por não ser humana) (Viva Urgova! :D), de atacar antes de perguntar, mas, porra, precisava? O animal rosnou pra eles? Atacou eles? Xingou a mãe deles?
Paciência, agora já era.
E basta que a nossa mente imagine que trequinho bizarro que era...
E só vai ficar na imaginação mesmo, ou vcs vão acreditar no que a Globo vai falar?
Nem que tivesse algum video do bichin estendendo o dedo e falando "telefone" a Globo iria admitir, caso fosse um et. Iria causar medo, as pessoas preferem a mentira.

É, é triste.
Vai na paz, bichinho bizarrinho cuti-cuti.

Enfim...

Bora superar, Fluzão.
Na série A, na série B, sou Fluminense até morrer.

O que eu posso fazer? Eu amo esse time! =/

Bom, só poderei entrar na sexta, ainda estou de castigo até passar de ano, lembram? usauhahusahusa.

às pessoas que vão me ver hoje e pretendem me zoar:
Eu estou mais calma, mas não menos perigosa. Sentem e rebolem. _|_

;**

domingo, 20 de setembro de 2009

Vergonha.

Eu estou indo dormir.
É, são cinco pras sete (Agora que escrevo) e eu estou indo dormir.
Pq? Pq eu estou morrendo de vergonha. Morro de vergonha pq sou uma otária, que apóia, tem esperanças, chora e que tem o humor baseado em uma bosta de um time.
Eu sou uma pessoa que eu não choro. Eu não choro quando alguém morre, não choro quando estou triste. Eu só me permito chorar por dois motivos: Rindo e pelo meu time.
E esse ano eu ando chorando MUITO mais do que eu deveria. Chorando por essa MERDA DESTE TIME, que não honra a porra da camisa, que não honra as três cores, a torcida!
5x1 é humilhação.
Eu me pergunto se essas merdas que chamamos de jogadores sabem que, cada vez que jogam como se fosse uma peladinha de rua, fazem muitos torcedores chorarem.
Apesar que acho que só eu que sou otária o suficiente para chorar por esse time, pq o resto da torcida acha que nem vale a pena. Eles estão certos.
Próximo ano, série B.
Aguentar zoação de outros times, ter que se adaptar aos novos horários, à tudo.
O que eu posso fazer? Mudar de time, nunca.
Eu vou continuar assistindo os jogos, vibrando, torcendo. O Fluminense é feito de sua torcida.
E, na série B, irei continuar saindo com a minha camisa do Flu, escrevendo sobre meu time aqui, protegendo meu Fluzão.
A diretoria está uma merda, os jogadores parecem mais bailarinas.
Agora é esperar que a gente saia da série B do melhor modo possível, e volte a estourar, como o time que a gente realmente é.
Time grande, com a torcida mais bonita.

Sou tricolor de coração.




Uma noite longa, uma vida curta.

O post de ontem pode não ter feito sentido pra vcs, mas pra mim fez um monte, uhsahusauhsa.
Obrigada, Puskah.
A minha música-humor de hoje é:

Lanterna dos Afogados, Cássia Eller.

Quando tá escuro
E ninguém te ouve
Quando chega a noite
E você pode chorar...

Há uma luz no túnel
Dos desesperados
Há um cais de porto
Prá quem precisa chegar...

Eu tô na Lanterna
Dos Afogados
Eu tô te esperando
Vê se não vai demorar...

Uma noite longa
Pr'uma vida curta
Mas já não me importa
Basta poder te ajudar...

E são tantas marcas
Que já fazem parte
Do que eu sou agora
Mas ainda sei me virar...

Eu tô na Lanterna
Dos Afogados
Eu tô te esperando
Vê se não vai demorar...

Eu tô na Lanterna
Dos Afogados
Tô te esperando
Vê se não vai demorar...

Uma noite longa
Pr'uma vida curta
Mas já não me importa
Basta poder te ajudar...

E são tantas marcas
Que já fazem parte
Do que eu sou agora
Mas ainda sei me virar...

Eu tô na Lanterna
Dos Afogados
Eu tô te esperando
Vê se não vai demorar...(2x)

Eu tô na Lanterna
Dos Afogados
Tô te esperando
Vê se não vai demorar...

Eu tô te esperando
Vê se não vai demorar...(2x)

sábado, 19 de setembro de 2009

Lembretes para mim amanhã.

- Falei besteiras hoje. :D
- Amanhã tem jogo contra o Gremio.
- Joguei o jogo da verdade.
- Estou brava.
- Não apagarei o histórico do msn por motivos especiais. (Só por hj)

sexta-feira, 18 de setembro de 2009

30 coisas que me vieram à mente.

Chocolate meio-amargo;
rum;
cabelo;
colégio;
cama;
briga;
artesanato;
uma pessoa;
internet;
saudades;
viagem;
horário;
férias;
profecias;
dreads;
passar de ano;
novidades;
gula;
messenger;
demora;
aleatoriedade;
garganta;
piercing;
cerveja;
ausência;
muralha;
sangue;
Haroldo (Meu tigre);
música;
The Killers;
Tirem suas conclusões, essas palavras sairam da minha cabeça aleatóriamente. --'

Ahh. ¬¬'

Que merda.
Que merda-merda-merda.
Acordei extressada. Nem tenho motivo (Só uns aí, mas eu já tava extressada antes deles), mas acordei assim.

Bom, como diz uma sábia frase de um grande filósofo:
"As pessoas boas devem amar seus inimigos".
- Seu Madruga.

domingo, 13 de setembro de 2009

Dia perdido.

Saudades imensas do Gutinho.
Sabe quando algumas coisas do passado voltam de vez? Eu poderia conversar com ele, pq são coisas que só ele sabe, afinal, foi um dos três envolvidos.
Mas ele não está aqui, então eu devo parar.
E o meu time empatou hoje, e eu bati a cabeça na parede por causa dele. Terror.
Que dia triste que foi o dia 13 de Setembro de 2005, e que dia triste que foi o 13 de Setembro de 2009.
Vou terminar meu trabalho, pra acordar amanhã sem lembrar de nada.

"E a história se repete, e se repete, e nunca ninguém fica sabendo dos meus motivos, como deve ser." - A.M.L.

sábado, 12 de setembro de 2009

E agora?

Tá uma galera me falando pra criar Orkut de volta, pq eu tinha uns três álbuns só de imagens engraçadas, que o povo curtia bagarai e pá...
Assim, eu gostava de ver que o pessoal curtia meu álbum, mas não achei que era necessidade de "um dia melhor". o.O
Teve uma amiga minha que disse hoje que sempre que tava mal, ia lá ler as tirinhas... Sei lá, eu gostei disto.
E também tem a Família Pocó (Minha família de amigos, meus irmãos), que querem que eu gerencie uma comunidade do grupo...
Eu tô super em dúvida, se mantenho meu orgulho (com motivo) e não faço a bosta do Orkut, ou se cedo desta vez.... Querendo ou não, estou sentindo uma puta falta!
Ahh, quê que eu faço?

Bom, mudando totalmente de assunto... Fui no níver da Evelyn ontem. *-*
Só diretoria da Família Pocó (L), foi mto irado. Bebi bagaraaaai!
E o melhor, eu tive aula hoje, então fui direto da festa, que foi na casa do Victinho, pro CEP... Fui andando com o Gordo, seis e meia da manhã, pra chegar a tempo.
E olhem como sou uma moça prendada! Fiz todos os trabalhos hoje (Mesmo com todo mundo me perguntando se eu tava bêbada ou era impressão) e, quando meus amigos gazearam a ultima aula, eu fiquei! Êêê! Que orgulho!

Me aconselhem, por favor, com o negócio do Orkut!

;***

quinta-feira, 10 de setembro de 2009

Sessão fotos de improviso




terça-feira, 8 de setembro de 2009

Ponto de interrogação.

Tava lendo umas notícias e me deparei com esta:
http://teletube.wordpress.com/2008/10/08/agora-e-pra-valer-deem-adeus-ao-orkut/
Nela mostra que não está MESMO raro o fato do Orkut estar apagando profiles.
E também tem a teoria de que eram profiles bastante visitados e profiles de moderadores. Eu era moderadora de pelo menos umas dez comunidades, dona de duas.
Bom, tá parcialmente explicado, se esta teoria estiver correta...
O Orkut pirou.
Aplicativos demais, regras absurdas, tudo ridiculo.
Eu realmente preferia meu orkut com a primeira letra da comunidade em forma de pessoas (Quase um kamasutra), cujo o maior spam era a Samara, onde você podia ter visitas e ser moderador sem correr o risco de ter o profile apagado.
O Orkut tá decaindo.
Eu mudei de ideia em relação ao post anterior, vou criar twistter e MySpace também, para testar, é sempre bom manter um plano B, C, D... HASUHASHUSA!
Meu perfil no Facebook:
facebook.com/Ratoska

Ei, Orkut, vá tomar no cu. MHAHAHA!

E a grande empresa perde mais um membro.

Excluiram meu Orkut.
Não, não fui hackeada, foi o próprio Orkut que excluiu sem aviso prévio - coisa que dizem ter direito.
Falaram que haviam erros no meu profile. Desculpa, Orkut, pensei que eu não precisava colocar no profile "Orkut eu te amo", para permanecer no site.
Eu tenho um sistema interessante de não deixar o computador pesado... Eu coloco as fotos que eu quero no Orkut, e depois eu apago do computador, afinal, se eu precisar novamente estão no Orkut e é só salvar de novo. Como é que eu fico?
De qualquer forma, estou puta. Realmente irritada. Fazia tempo que eu lia que o Orkut estava uma merda, inclusive sites grandes criticando o Orkut (Beijo, GTO). Hoje, mesmo se eu conseguir minha conta novamente, não volto.
Vou criar Facebook, twitter, qualquer dessas coisas que façam eu poder conversar com meus amigos de Aracaju e ver fotos deles (Saudades também mata).
E aqui, as palavras finais de uma pessoa extressamente irritada:
Ei, Orkut, quer se aparecer? Enfia o peixe no cu e finge que é sereia, filho da puta! HASUHSUHSAU. _|_

domingo, 6 de setembro de 2009

Eu cumpro minhas promessas

Uma vez Flamengo.
Sempre Flamengo
Flamengo sempre, eu hei de ser
É meu maior prazer vê-lo brilhar
Seja na terra, seja no mar
Vencer, vencer, vencer
Uma vez Flamengo, Flamengo até, morrer

Na regata ele me mata,
Me maltrata, me arrebata
Que emoção no coração
Consagrado no gramado
Sempre amado, o mais cotado
Nos Fla-Flus é o 'ai, Jesus'!
Eu teria um desgosto profundo
Se faltasse o Flamengo no mundo

Ele vibra, ele é fibra
Muita libra, já pesou
Flamengo até morrer eu sou.








Eu não sou flamenguista, eu odeio o flamengo, quem quiser entender, veja o post anterior. Agora boa noite, eu vou chorar mais.
Série B, você agora é minha realidade.

sábado, 5 de setembro de 2009

Pró-turbilhão

Ignorem o post anterior, já estou melhor.
Precisei levar uma bronca de uma grande amiga.
E olha que geralmente eu que dou as broncas. o.O
De qualquer forma, o que tiver que ser será, não é?
É isso, terminarei o post com uma aposta.

Se o Fluminense não vencer o Náutico amanhã eu posto o Hino do Flamengo e um coração.
Quem me conhece sabe o quão duro será fazer isso, portanto, eu ACHO BOM o meu grande Fluzão ganhar.

"A paz, a esperança e o vigor, unidos forte pelo esporte, eu sou é tricolor."

Turbilhão

Não sei se contei que agora poderei ficar on nos finais de semana e feriados.
Também não sei se contei que estou estudando. É, estudando. Logo eu, essa pessoa que tá escrevendo com uma lata de cerveja do lado, estudando.
Mas é necessário, as vezes. Eu quero fazer os dreads, eu quero passar de ano.
Não pra fazer um vestibular, não pra ser "alguém na vida", só para mudar o mundo.
É, as vezes as coisas não saem do modo planejado.
E eu também estou hiper confusa.
Não sei se é uma carência que me fez gostar dele, ou se é real, mas foda-se, seria impossível, totalmente impossível, então não vale a pena ficar nessa.
E o pior é que ele sabe que eu gosto dele. Não que eu diga, nunca diria pra alguém, sou orgulhosa demais para isso, mas ele sabe.
Outra coisa, resolvi adiar minha saída. Não irei mais neste ano. Por mim eu iria, mas esqueci de um detalhe crucial: Próximo ano é eleição, ou seja, policia na rua.
E será melhor assim, até o fim de 2010 eu terei o dinheiro, a quase-maioridade, e bom, eu já disse pros meus pais que é só terminar a escola para vazar (Não que eles acreditem nisto).
De resto, está tudo melhorando aqui em casa. Tá cheio de visita aqui, amigos de infância da minha mãe, tudo carioca... Então ela anda bebendo e outras coisinhas mais que deixam ela de bom humor (Boba alegre).
Bom, é isso, tanta coisa passando na minha cabeça, e eu assim indiferente.
Eu preciso ir embora.

Sem mais, saudades de todos.