domingo, 9 de novembro de 2008

Que dia cheio. o_o

Um post enorme.
Bom, acordei cedo, como sempre, e fui trampar (quem que trampa no domingo aí, me dá uma força! o/)... Eu tava com cólica, meio mal... Mas ainda assim vendemos mais de R$ 720,00 hoje. :o
Fico no trampo até as duas, depois vou me encontrar com a Luiza (irmã), o Michaell (Cunhado) e o Ferrugem (Um amigo) no Bar do Alemão, pra tomar um chopp...
Mal pedimos chopp e batata-frita e a Mah ligou pro Mi dizendo que tinha dado merda no terminal do Campina e que era pra ele ir lá...
Meu cunhado é da Império (Torcida organizada do Coritiba) e a gente correu pro Campina.
Chegamos lá e os policiais estavam revistando todos, aí a Luiza foi lá falar com a Mah e voltou com um garoto sangrando e com um corte pequeno, porém fundo pra porra, na testa...
A gente levou o Osmar (esse garoto) pro hospital Evangélico do Paraná, pra emergência... Tipo, ele tava bem de boa, rindo e fazendo palhaçada. Tirou até foto do machucado pra mostrar pra mãe (mereço?).
Chegamos na EMERGÊNCIA do hospital (repito, emergência) e, o que acontece? O Osmar, com a cabeça aberta, tem que esperar liberar uma vaga.
É um absurdo! Tinha uma mulher grávida em trabalho de parto esperando a porra de uma vaga e o filho da puta do segurança dizendo que tinha que esperar e dizendo que era assim mesmo!
Ele quer o quê? Que eu me conforme com essa situação? Que eu ache que é normal uma mulher em trabalho de parto, um cara com a cabeça aberta, uma criança com o braço quebrado, um cara com o corpo todo queimado e outros esperarem a porra de um lugar simplesmente pq o irresponsável do governador Requião não mexe a bunda dele da cadeira pra fazer algo?
Bom, duas horas e meia depois ele recebeu os pontos e fomos todos pro Couto Pereira assistir o jogo do Coxa x Náutico...
Conclusão: Tô rouca pra burro. :o
Depois do jogo (0x0) eu, a Lu e o Mi fomos no Au-au comer e viemos pra casa.
Diazinho cheio, hein?

2 comentários:

Jota Pê disse...

"Ele quer o quê? Que eu me conforme com essa situação?"
Sim, conforme-se ou morra.
Mal, não resisto. e.e'

. Marii! (: disse...

Se mate. ;k